Equipe do Saúde Sempre está ligando para beneficiários com dependentes a partir de 40 anos

Cerca de 1.500 beneficiários do TRT5-Saúde que possuem dependentes a partir de 40 anos estão sendo contatados por telefone por uma equipe da Coordenadoria de Saúde para a triagem inicial do Projeto Saúde Sempre. Inserido no Programa de Qualidade de Vida do TRT5 e gerenciado em conjunto pela Coordenadoria de Saúde e pela Coordenadoria de Assistência Suplementar à Saúde (CASS), o projeto começou a funcionar em janeiro e visa a melhorar as condições de saúde de quem tem doenças crônicas, reduzindo o risco de comprometimentos futuros e tratamentos caros.

De acordo com o servidor José Sestelo, que integra a equipe do projeto, o objetivo é fazer o acompanhamento de dependentes com doenças crônicas como hipertensão arterial sistêmica (HAS), diabetes melitus (DM), dislipidemias (colesterol alterado) e doenças cardiovasculares, contribuindo para a melhoria das condições gerais de saúde dos participantes e diminuindo a possibilidade de internações hospitalares evitáveis. “Como não temos acesso direto aos dependentes, estamos ligando para os titulares para avaliar a elegibilidade dos dependentes para o projeto, por isso é importante que todos atendam”, explicou.

A QUEM SE DESTINA - A princípio, o Saúde Sempre é destinado aos dependentes dos titulares do plano, que são a maioria dos beneficiários do TRT5-Saúde. Para os servidores e magistrados ativos com condições crônicas existe um projeto específico de acompanhamento gerenciado pela Coordenadoria de Saúde e vinculado ao Programa de Controle Médico e de Saúde Ocupacional (PCMSO).

Para compor a equipe operacional do Saúde Sempre foram mobilizados diversos profissionais lotados na Coordenadoria de Saúde como médicos, dentistas, enfermeiros, assistentes sociais e psicólogos (conheça abaixo a equipe operacional). São estes profissionais que fazem os contatos telefônicos e acompanham os participantes do programa.

COMO FUNCIONA - A primeira tarefa da equipe operacional do Saúde Sempre é entrar em contato por telefone com todos os beneficiários cadastrados que possuem dependentes com idade igual ou superior a 40 anos para uma avaliação preliminar sobre a elegibilidade dessas pessoas para o projeto. Em seguida, os dependentes considerados elegíveis são convidados a participar efetivamente do projeto e, caso aceitem, passam a ser acompanhados por uma equipe multiprofissional. Esta equipe deverá monitorar os parâmetros de risco definidos previamente e apoiar cada participante para que possa aderir aos tratamentos e prescrições feitas pelos médicos assistentes.

A participação é voluntária, não tem custo adicional e pode ser encerrada a qualquer tempo, mas é altamente recomendável, porque deve resultar em ganho de qualidade de vida e saúde para os participantes e melhor gerenciamento dos recursos assistenciais disponíveis no TRT5-Saúde. Esta estratégia está sendo formulada e operacionalizada com recursos próprios do TRT5 como uma iniciativa piloto que poderá ser oportunamente expandida e aperfeiçoada a critério da Administração e do Conselho Consultivo do TRT5 Saúde. Os objetivos gerais são a melhoria da qualidade de vida e o melhor gerenciamento do funcionamento do TRT5-Saúde.

 

EQUIPE DO SAÚDE SEMPRE

 

Coordenadoria de Saúde

Márcia Bandeira Lehner – gestora

Fernanda Mota Ramos – responsável

José Antonio de Freitas Sestelo – responsável

 

Coordenadoria de Assistência Suplementar à Saúde

André Liberato Matos Reis – gestor

Marina Lopez Prata – responsável

 

Equipe operacional

Aline Freitas Paraíso Martins

Eliana Lúcia Corrêa Souza

Fernanda Mota Ramos

José Antonio de Freitas Sestelo

Lyla Prates de Andrade

Monique Queiroz de Souza

Rosa Helena Tavares Costa

Teresa Cristina Barbosa Rodrigues

 

Secom TRT5-BA (Lázaro Britto com informações do Saúde Sempre) - 11/2/2021