TRT5-Saúde é aprovado por 97% dos seus usuários

A pesquisa de avaliação do TRT5-Saúde sobre o atendimento da autogestão em saúde apurou que aproximadamente 97% dos usuários avaliam o plano com conceitos positivos. Dos 345 beneficiários titulares que participaram da enquete online, 49.85% classificaram o desempenho da autogestão como ótimo; 38.64% como bom, 8.55% como regular; e apenas 2.95% categorizou como ruim.

 

Quanto à satisfação acerca de informações sobre o funcionamento do TRT5-Saúde, 91,27% se mostraram satisfeitos. E 97,03% dos entrevistados responderam que a presteza do plano em informar e dar atendimento, quando solicitado, está entre excelente, boa e regular.

Com relação à cobertura para a rede credenciada (hospitais, médicos e clínicas) 23,01% dos usuários estão muito satisfeitos, 58.7% satisfeitos, 10,32% pouco satisfeitos, 7,96% insatisfeitos (oito beneficiários disseram não terem usado os serviços).

Sobre a autorização de exames e procedimentos 98,67% demonstraram satisfação, enquanto apenas, 1,32% classificaram como ruim. E sobre as autorizações de internações 49.08% classificaram como ótimo, 43,56% como bom, e 7,36% como regular.

Os valores das mensalidades também foram objeto de pesquisa:  21.41% revelaram estar muito satisfeitos, 48.09% estão satisfeitos, 23.46% pouco satisfeitos, e 7.04% insatisfeitos.

A pesquisa foi realizada entre 26 de setembro e 22 de outubro de 2018, portanto, antes da vigência do convênio entre o TRT5-Saúde e o Saúde Caixa, que tornou a cobertura ainda mais abrangente.

COMUNICAÇÃO - O portal do TRT5-Saúde já foi acessado por 89.75% dos participantes, sendo que 52.24% disseram que o site é de fácil acesso e com as informações necessárias. Sobre o aplicativo corporativo, 42.98% disseram que já acessaram.
No que se refere à comunicação direta com o TRT5-Saúde (pessoalmente, por telefone, por e-mail, pelo Proad ou pelo Fale Conosco), dos 289 que já entraram em contato, 66% o fizeram mais de duas vezes, 8,65% duas vezes, 17,29% apenas uma vez, e 16,71% nunca se comunicaram com o plano. A maioria, 62,1% se comunicou por telefone, 18,34% pessoalmente, 11,49% por e-mail, 7,09% através de Proad, e 0,98% pelo Fale Conosco.

 

APLICATIVO – Apesar de estar em funcionamento desde 2017, o aplicativo “TRT5-Corporativo” é desconhecido por 60,34% dos entrevistados. O aplicativo (imagem ao lado) pode ser baixado gratuitamente nos celulares  e possui um módulo “TRT5-Saúde” que disponibiliza dados dos beneficiários (titular e dependentes), histórico de utilização, acompanhamento de status de pagamento a título de coparticipação e ainda consulta da rede credenciada: o que possibilita trazer o plano na palma da mão. 

Veja o resultado completo da pesquisa clicando aqui.

 

 

Secom TRT5 (Fabricio Ferrarez, com informações de TRT5-Saúde) - 21/2/2019